• Evanise Moreira

Casamento na pandemia | Dicas preciosas para realizar o seu

Cerimônias mais intimistas, casamentos ao ar livre e respeitando os protocolos de segurança são alternativas para casamento na pandemia.


Por Evanise Moreira do Lejour



noivos sorrindo um para o outro após cerimônia de casamento
Casamento na pandemia, cuidados e adaptações.

Em março de 2019, quando foi decretada a pandemia e o início do isolamento social, o mundo passou e continua passando por transformações diárias.


O setor de eventos, assim como tantos outros, sofreu grandes perdas, mudanças e precisou se reinventar.


E agora, quando casar?


Essa é a primeira pergunta feita pelos casais. Em meio a tantas mudanças, muitos casais mantiveram a cerimônia de casamento, porém em um formato reduzido e com poucos convidados. Cerimônias ao ar livre tiveram um aumento significativo nesse período de casamento na pandemia.


Andresa Vaz, da FICA Assessoria é enfática ao dizer que hoje não é possível ter certeza do tempo exato em que as coisas voltarão aos eixos, mas a expectativa da empresa é que no meio do ano as coisas estejam melhor por conta dos avanços com a vacina, e com isso o setor comece a retomar as atividades.


“Estamos sempre conversando com os profissionais do setor até mesmo para entender como está a saúde financeira de cada um e contar com profissionais capacitados e estruturados nesse momento é fundamental para se ter essa segurança”, revela Andresa.



O que pode em cada fase e o que não pode?


De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), bem como pelos governos federais e estaduais, o uso de máscaras em locais abertos e públicos é obrigatório, só podendo ser retiradas durante as refeições.


Quais são os decretos sobre casamentos na pandemia?


Durante um evento como casamento na pandemia deve-se evitar a participação de idosos e crianças nesses locais, pois há muita movimentação grande de pessoas nesses ambientes.


Além disso, pessoas com qualquer sintoma gripal ou outras enfermidades também devem evitar esses espaços.

O distanciamento entre os convidados deve ser, no mínimo, de 1,5 metros. Já os prestadores de serviços e fornecedores dos eventos devem usar obrigatoriamente, além das máscaras, os protetores faciais.


Ademais, todos os locais de eventos devem disponibilizar materiais de higiene como álcool em gel 70% em todas as áreas comuns.


noivos se beijam de máscara na pandemia
Cuidados em todas as fases da pandemia.

Foto: Cottonbro no Pexels


Cuidados para casamento na pandemia


Eventos cancelados, reagendados e um turbilhão de coisas acontecendo ao mesmo tempo nesse meio, e claro, casais vendo seu sonho do Grande Dia sendo adiado, uma, duas ou mais vezes. Haja coração! Mas ainda é possível realizar seu casamento na pandemia com cuidados. Listamos alguns para ajudá-los na jornada.


  1. Desinfecção de ambientes

A limpeza em toiletes e áreas comuns também deve ser frequente, bem como a higienização e desinfecção das mesas, cadeiras e todas as superfícies de contato. E isso deve ser feito, também, ao longo da festa de casamento.


  1. Distanciamento

Assim como há regras para o espaço que realizará o casamento na pandemia. As mesas dos convidados devem ter uma distância mínima de 2 metros de uma para a outra.



  1. Definições de eventos nas fases do Estado de São Paulo

O Plano São Paulo, criado pelo Governo do Estado de São Paulo, tem como finalidade evitar a aglomeração de pessoas e preservar a saúde e segurança das mesmas através de medidas impostas de acordo com cada fase da pandemia do covid-19.


Fase 1 (vermelha): Somente atividades essenciais

Atividades não essenciais estão proibidas de funcionar, como eventos, restaurantes com público interno, shopping e demais.


Fase 2 (laranja): Proibidas festas com pista

  • Capacidade 40% limitada

  • Horário reduzido (8 horas): Após as 6h e antes das 20h

  • Obrigação de controle de acesso, hora marcada e assentos marcados

  • Assentos e filas respeitando distanciamento mínimo

  • Proibição de atividades com público em pé

  • Adoção dos protocolos geral e setorial específico


Fase 3 (amarela): Festas com um número reduzido de pessoas

  • Capacidade 40% limitada

  • Horário reduzido (10 horas): Após as 6h e antes das 22h

  • Obrigação de controle de acesso, hora marcada e assentos marcados

  • Assentos e filas respeitando distanciamento mínimo

  • Proibição de atividades com público em pé

  • Adoção dos protocolos geral e setorial específico

  • Fase 4 (verde): Festas liberadas, porém seguindo todos os protocolos de segurança e distanciamento social

  • Classificação na fase no período anterior de, pelo menos, 28 dias consecutivos

  • Capacidade 60% limitada

  • Horário reduzido (12 horas)

  • Obrigação de controle de acesso e hora marcada

  • Filas e espaços com demarcações, respeitando distanciamento mínimo

  • Adoção dos protocolos geral e setorial específicos


Fase 4 (verde): Festas liberadas, porém seguindo todos os protocolos de segurança e distanciamento social

  • Classificação na fase no período anterior de, pelo menos, 28 dias consecutivos

  • Capacidade 60% limitada

  • Horário reduzido (12 horas)

  • Obrigação de controle de acesso e hora marcada

  • Filas e espaços com demarcações, respeitando distanciamento mínimo

  • Adoção dos protocolos geral e setorial específicos


máscaras descartáveis para convidados no casamento
Protocolos covid-19

Proteção para os noivos


Aprendemos, com a pandemia, que devemos nos resguardar e estar preparados para tudo!


Uma maneira de se precaver de possíveis imprevistos é contratando empresas que passem segurança e que ofereçam garantias em caso de algo inesperado.


Facilidades Lejour para os noivos


Nesse sentido, ao contratar um fornecedor do Lejour e efetuar o pagamento através da plataforma Lejour Pay, o casal pode escolher pagar 5% do valor do contrato como medida de garantia da execução do serviço.


desenho de noiva tranquila na fastshop
<